O que fazer quando o movimento do seu salão de beleza já não é o mesmo?

SPHAIR Cosmetics

Queda de movimento é um sinal de alerta para o seu salão

Atualmente, a concorrência no mercado feminino é bastante acirrada, principalmente se tratando de salões de beleza. Muitas vezes pode acontecer uma perda de cliente por diversos motivos, entre eles, um mal atendimento. Nessas horas, a melhor coisa a se fazer é não entrar em pânico e buscar formas inteligentes de reverter essa situação. Elaboramos um post para ajudar a solucionar esse problema de forma rápida, caso o movimento do seu salão de beleza tenha caído.

Aumentando o movimento do salão

Quando o movimento do seu salão de beleza começa a entrar em decadência, deve-se sempre pensar no que poderá ajudar a reverter a situação e fazer o negócio voltar a crescer diante dos olhos dos clientes. Os profissionais mais experientes são os que mais podem trazê-los de volta ao estabelecimento e criar novamente a com fiança no serviço.

Todo profissional cabeleireiro que possui seu próprio salão deseja uma melhora no movimento para que assim volte a crescer no mercado e fazer sucesso diante da concorrência. Para isso, existem algumas dicas fundamentais que podem ajudar a retomar o movimento do seu salão de beleza.

5 dicas para ajudar o seu negócio

São várias as ações que podem ser realizadas para melhorar o movimento do seu salão de beleza.

1 – Investimento em propaganda

Algo que deve fazer parte das ações para aumentar o movimento é o marketing no salão de beleza. É importante lembrar do ditado; “quem não é visto, não é lembrado”, e tentar fazer com que o negócio esteja em evidencia na mente do cliente. Isso poderá depender de um investimento, mas com certeza valerá bastante a pena e o retorno será praticamente garantido.

 2 – Caprichar no relacionamento

É sempre bom lembrar que os clientes são o patrimônio principal do salão, ou seja, é importante manter cada um deles satisfeitos. Quando eles entram no estabelecimento, não esperam somente por um bom corte de cabelo ou uma boa tintura, mas também buscam uma experiência agradável para que possam pensar em voltar sempre. Por isso, o bom atendimento será primordial. Deve-se atender cada cliente de forma especial e única.

 

3 – Controlar as finanças

Por mais que o seu salão esteja sempre lotado e você seja o melhor profissional do mercado, porém, se você gastar mais do que ganha e não souber administrar as finanças e controlar o estoque e as contas, é provável que entre em falência. Então, é importante entender que você não é apenas o dono do estabelecimento, mas sim uma espécie de empresário e precisará manter um controle administrativo e estar atento aos negócios.

4 – Renegociar 

Como este é um mercado bastante concorrido, se for possível, deve-se renegociar os prazos e os valores com os fornecedores, os contratos de aluguel, as comissões, entre outros, uma vez que é bem melhor renegociar do que precisar fechar as portas.

 5 – Procurar ajuda se for necessário

Se o movimento do salão de beleza caiu e te deixou preocupado com a situação, não precisa ter medo. É a hora de pedir ajuda! O ideal é que sejam procuradas as entidades como o SEBRAE, por exemplo, com conhecimentos valiosos, e pensar que é apenas uma fase. Quanto mais você se atualizar mais chances terá de passar à frente dos seus concorrentes.