Conheça os riscos do formol

O formol é um velho conhecido de quem faz escova progressiva. Mas não deveria ser! Essa substância é proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para alisar os cabelos por ser tóxica e provocar diversos danos à saúde, como câncer. Ele ao ser inalado, afeta garganta, nariz, traquéia e brônquios, ocasionando dificuldade de respiração e bronquite. 

Não é que a presença do formol seja vetada em todos os produtos para os fios capilares. Mas a concentração permitida é de, no máximo, 0,2%, e, nessa quantidade, ele não funciona como alisante.

E chega com a velha ideia de que apenas o formol alisa de forma intensa e duradoura os fios. Atualmente existem progressivas com outros ativos alisantes que garantem um liso perfeito, como as Progressivas da SP Hair Cosmetics.

Conheça os riscos do formol O que é o formol?

O Formol ou Formaldeído é um composto com várias aplicações, sendo usado normalmente como conservante ou antisséptico. Também é usado para embalsamar peças de cadáveres, na confecção de seda artificial, celulose, tintas e corantes, soluções de uréia, tiouréia, resinas melamínicas, vidros, espelhos, explosivos, entre outros.

Quais os riscos de usar formol?

 

 

O formol, quando usado de forma indevida, causa queda de cabelo, irritação na pele, vermelhidão, dor e queimaduras. E os problemas não param por aí.

Quando inalado afeta a garganta, nariz, traqueia e brônquios, ocasionando dificuldade de respiração. E também pode provocar irritação nos olhos. 

De acordo com a Anvisa, em altas concentrações, o formol chega a danificar a visão de forma irreversível. E quando inalado aos montes, sua intoxicação pode ser fatal. 

Progressivas sem formol da SP Hair Cosmetics

A SP Hair trabalha com uma linha de progressivas sem formol para todos os tipos de cabelo. Sempre pensando no cuidado, tanto do profissional como o do cliente. Conheça mais acessando a nossa loja aqui.